Acidente em Rondônia na BR 364

Todas as vítimas fatais do trágico acidente ocorrido no início da manhã de hoje em Ouro Preto estão à espera de traslado para o Instituto Médico Legal de Porto Velho, onde serão periciados por uma equipe de legistas previamente escalados pela Direção da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus). Treze corpos serão examinados em Porto Velho e outros dois ficarão em Ouro Preto, um do motorista da carreta, José Fernandes de Oliveira, que mora na cidade e uma vítima que morreu no hospital, Valdir Benício da Silva, que já foi liberado para sepultamento. Com isto, o número de mortos seria 15 e não 20 como fora dito pelo Comandante dos Bombeiros em Ouro Preto.

A delegacia de Polícia Civil de Ouro Preto está enfrentando dificuldades com familiares das vítimas que querem a liberação dos corpos para sepultamento. Os corpos, segundo o delegado plantonista, deverão obrigatoriamente serem levados a Porto Velho para exames de DNA e outros procedimentos legais. O problema é que os familiares querem vir a Porto Velho, mas as autoridades não querem custear o transporte dos parentes das vítimas até a capital. O caminhão cedido pelo Estado para transporte dos corpos deve chegar a Ouro Preto por volta das 18 horas. Os feridos no acidente que encontram-se internadas em Ouro Preto serão transportadas por cinco ambulâncias para internação na UTI do Hospital de Base de Porto Velho.

A Polícia Rodoviária Federal divulgou duas listagens, uma dos passageiros que estão internados no hospital de Ouro Preto e outra com os nomes de passageiros que estariam no ônibus e que ainda não foram localizados ou identificados. ( Saymonton Farias Jornal Folha da Mata). .

Próximas fotos

***************

Página Principal>>>>

++

Página principal

Temos agora:

Gostou ? Confira mais fatos da vida real acessando:  www.cabuloso.com

Desde 2005 - Cabuloso.com - Todos os Direitos Reservados